Analisando; Juventude Transviada

Título Original; Rebel Without a Cause
Lançamento; 1955
Duração: 1h51min
Dirigido por; Nicholas Ray
Com ; James Dean, Natalie Wood, Sal Mineo
Gênero; Drama
Nacionalidade; EUA
Nota; 

Contém Spoilers!

Filme bom o suficiente para ser considerado clássico e exemplo do cinema dos anos 50.

Seu sucesso foi impulsionado pelo mais poderoso tipo de marketing da história; a morte de James Dean (o jovem ator que é protagonista) um pouco antes do filme ser lançado. Isso gerou uma grande comoção na sociedade e que se juntou com a qualidade do longa-metragem, dando a ele o merecido conceito já citado no começo da postagem.

O filme trata da juventude dos anos 50, que foi afetada pelo medo constante do retorno da guerra e da ameaça constante da morte. No filme temos quatro problemas presentes nas vidas dos jovens até hoje; disputa de popularidade, conquista pela liberdade de se vestir, carência de atenção dos pais e busca pela identidade.

A disputa de popularidade vemos no grupo de jovens bacanas do colégio, que dirigem carros e faltam a aula. O ponto máximo dessa trama ocorre quando o personagem de James Dean faz uma disputa de coragem em um penhasco com o líder da gangue dos populares. Tento aí nessa cena, um desfecho trágico.

A busca pela liberdade de se vestir vemos na personagem de Natalie Wood, que é maltratada pelo pai, no começo do filme, porque usou um batom vermelho. Ela é chamada de vários nomes pejorativos pela própria família e procura mostrar que ela não merece ser julgada pela roupa que veste ou maquiagem que usa.

A carência de atenção dos pais vemos no personagem de Sal Mineo. Apelidado como Platão, esse jovem tem pais que trabalham muito, tem muito dinheiro mas quase nenhum tempo para gastar com o filho. Por causa disso o jovem tem vários problemas de relacionamento e na escola. Essas atitudes podem ser entendidas como um grito desesperado por atenção dos pais.

A busca pela própria identidade vemos no personagem de James Dean, um jovem que acaba de se mudar para um nova escola. Vaidoso, se preocupa com a roupa que veste para ir ao colégio, seu penteado e seu carro. Ele enfrenta o grupo popular e paquera a garota do chefão.

Todos esses problemas continuam até hoje. O filme pode ser considerado eterno. Que tipo de criança nunca se sentiu carente? Que menina nunca foi reprimida pelos pais por se vestir de uma forma? Quem nunca se teve dúvida sobre a própria pessoa?

É por isso que Juventude Transviada merece todos os prêmios e conceitos que recebeu. Eternizando a beleza e o talento de James Dean.

Nenhum comentário: