Maze Runner - Prova de Fogo

NOME: Maze Runner: Prova de Fogo
NOME ORIGINAL: The Sorch Trials
AUTOR: James Dashner
EDITORA: Vergara & Riba
ANO: 2012
SINOPSE: Depois de superarem os perigos mortais do labirinto, Thomas e seus amigos acreditam que estão a salvo em uma nova realidade. Mas a aparente tranquilidade é interrompida quando são acordados no meio da noite com gritos lancinantes das criaturas disformes - os Cranks - que ameaçam devorá-los vivos.
Antes do amanhecer, os Clareanos descobrem que a salvação na verdade pode ser outra armadilha, ainda pior que a Clareira e o Labirinto. E que as coisas não são o que aparentam.
Nota: 


O resto da postagem contém spoilers.


Agora os clareanos estão livres do labirinto e aparentemente a salvos. Mas era tudo continuação do plano do Cruel. Na noite seguinte, Tereza desaparece e aparece um novo menino chamado Aris. Então eles descobrem que havia um Grupo B. Esse segundo grupo também tinha a mesma quatidade de indivíduos vivendo cercados por um labirinto com os verdugos, quase igual a eles. Exceto que era um grupo só de meninas, e o Aris.

Algum tempo depois eles são desafiados (forma romântica de dizer "faça isso ou morra") novamente pelo Cruel. Agora eles estão infectados com o Fulgor e tem que atravessar um deserto para obter a cura.

A partir daí eles enfrentam um ambiente hostil com tempestades de raios, pessoas infectadas pelo fulgor que já foram quase completamente consumidas pela doença chamadas de Cranks, enfrentar o Grupo B e até chegar ao refúgio seguro.

Nesse meio tempo, Thomas fica intrigado com o que aconteceu com Teresa que agora está desligada. No final do livro eles se encontram de novo e essa é a parte mais emocionante do livro. Para descobrir vocês terão que ler!


Tem três coisas que chamaram a minha tenção nesse livro;
- Thomas é sem graça, talvez eu descubra porque ele é o protagonista no próximo livro.
- Teresa é muito mais nojenta do que eu imaginava. Eu já não era fã dela, muito menos depois desse livro.
- Se o Minho morrer eu paro de ler na hora, porque ele é o personagem mais épico do livro.

De todas as resenhas que eu li, concordaram que a Teresa passa a ser a pessoa mais odiável do mundo depois desse livro.

Thomas fica muito chato nesse livro na minha opnião. Porque ele só sabe ficar chorando e não tem nenhuma ação como no primeiro. Quem quase sempre o coloca no lugar ou salva a pele dele são os outros clareanos.

Minho é agora o meu personagem favorito. Leiam o livro e depois me digam se ele não é o herói?

C.R.U.E.L é bom.

Nenhum comentário: