Cavaleiros do Zodíaco, A lenda do santuário

Lançamento: 11 de setembro de 2014
Duração: 1h33mi
Dirigido por: Keichi Sato
Gênero: Animação
Nacionalidade: Japão
Notas:
Adaptação - 
Redesenho das personagens - 
Produção - 
Animação: 

Sim, pessoal, consegui assistir esse filme na estreia. O que eu sempre acho interessante é em como o Brasil sempre considera animações necessariamente infantis. Não tinha ninguém menor de 18 anos na minha sala de cinema. Antes de começar a falar sobre o filme vou justificar as minhas notas. Porque esse filme em especial eu coloquei notas mais específicas, normalmente eu faço uma nota só.

Adaptação: Foram mais de 200 episódios comprimidos em menos de duas horas. Então cortaram muitas cenas de batalha e eles não visitaram todas as casas. Os fãs esperavam por mais batalha. Podiam ter feitos outros dois filmes com tanta história. Mas também tiraram algumas cenas realmente fora do contexto e até um pouco exageradas.

Redesenhos das Personagens: Enquanto que alguns foram completamente redesenhado, alguns foram apenas "atualizados" e outros até mudaram de sexo. Mas a maioria só ganhou alguns detalhes a mais e todos agora tem cabelos mais "normais" se eu posso dizer.

Produção: Sim, dei uma nota muito baixa. Essa seria a nota de roteiro, dublagem e como as personagens foram construídas. A história foi comprimida demais, as batalhas foram curtas demais e os personagens parecem ter saído de uma parada gay.

Animação: Essa eu não pude negar uma nota máxima. Achei bem profissional e não perdeu os traços do estilo japonês.

Agora sobre o filme. A história fala sobre cinco cavaleiros de bronze que foram treinados para proteger a reencarnação de Atena, Saori Kido. Porém, no santuário, os cavaleiros de ouro acreditam que Saori é uma impostora e tenta matá-la. Então os cinco cavaleiros tentam levá-la até o santuário para provar que ele é a real Atena.

Como esse filme teve muitas repercussões, eu prometo fazer mais tarde um especial com vídeos e imagens sobre ele.

Nenhum comentário: